People are Strange

verdade que no meio de uma confusao, so encontramos pessoas confusas, nisso nos perdemos entre solidao e medo, coracao partido e paixoes platonicas.
Palavras solidarias que amortecem a queda, mas amedontram.. tanta docura nao pode ser real, algo mirabolante sempre esta por vir.
ver e sentir algo tao diferente, dentre mentiras e chances, como e se perder de repente e achar q se achou tao rapido.
E coracao grande e quebrado, sempre se engana, se entrega, acredita no irreal, digo virtualmente falando, nao adianta muletas, tem horas q e preciso mancar sozinho pela estrada.
pensei muito e tive coragem, de nao admitir o que ja se conhece, de perto, sabe-se muito bem onde e o final de uma historia e tenha certeza, o felizes para sempre nao existe.
a palavra nunca essa usada para dar credibilidade aos atos que sempre tornarao a aparecer, infelizmente ja conheco e sei que nunca nao existe no meu vocabulario, ja que promessas podem sempre ser quebradas.
viver e sempre aprender, e sem querer ser gelida, a razao e o mae da sabedoria, nao se faz pensadores de paixoes.
A solidao nem sempre e tao ruim, quando vem acompanhada pela paz, essa indispensavel para uma verdadeira felicidade.
Nao sou mais quem eu era antes e a cada dia me surpreendo, com uma pessoa diferente dentro de mim, todas elas completando aquela parte pela metade, vazia, que vagava por ai procurando a sua metade.

Anúncios

~ por Ana Paula Garcia em junho 18, 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: