Hipocrisia…

Domingo e realmente um dia cansativo, a tv cansa, a familia em casa cansa, os amigos cansados, a casa baguncada e eu cansada, afinal amanha e segunda, hoje e dia de descanso. mesmo diante de mais um cansativo domingo, me sentei na varanda com minhas plantinhas, acendi um cigarro e fiquei pensando na hipocrisia …

A hipocrisia e um dos comportamentos que mais me chamam a atencao, porque atraves dessa atitude, o individuo tem que mentir e ser falso, ou seja, para ter um ato hipocrita e preciso ter habilidades de falsidade; e vo falar, tem gente que e bom nisso, se tivesse oscar para melhor hipocrita do ano, eu ja saberia pra quem dar meu voto.

Costumamos falar mal dos nossos politicos, mas conheco muita gente parecida com eles, e gracas ao bom Deus, nao se candidatarao, mas possuem todos os atributos: sao ignorantes (tem uns que sao burros mesmo), falsos, mentirosos e hipocritas, mas nao sao maus, sao tao bons que voce acredita neles, ele tem o verdadeiro K.O. no sangue.

Hoje consigo visualizar melhor o comportamento das varias especies de hipocritas existentes, os comportamentos variam de acordo com a situacao e condicao de interesse, mas ha algo em comum, o mundo irreal que eles criam.

Os hipocritas costumam criar um mundo de fantasia, que atrai as pessoas do mundo real, pois nesse mundo de fantasia tudo e perfeito, inclusive ele (o hipocrita). Voce acredita, se envolve, e quando ve ja esta la sendo manipulado no mundinho do faz de conta…. mas como nada e eterno, esse tipo de coisa nao dura muito.

Minhas primeiras experiencias com os hipocritas foram frustrantes, algumas chorei, outras me fechei para as pessoas, mas com o passar do tempo me acostumei, e como nao existe vacina anti-hipocrita, estamos sempre arriscados a cair na labia de um hipocrita. Nao me decepciono mais, apenas identifico mais um ser da especie, e sei exatamente qual sera o comportamento “pos-descoberta” da sua verdadeira face, nisso todos os hipocritas sao previsiveis.

Antes tinha medo deles, hoje nao. Como especies oportunistas, estao por ai na sociedade, tentando ganhar a vida , atraves da confianca e ingenuidade de alguen. E digo uma coisa, bobo nao e quem acredita em hipocritas; bobos sao os hipocritas de acreditar que a gente nao sabe quem eles sao.

Cientificamente falando:

Hipocrisia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.

O cientista cognitivo Keith Stanovich fez uma carreira do estudo da hipocrisia. Ele a vê como surgindo da incompatibilidade de tais coisas como o interesse próprio e os desejos com crenças de ordem mais alta na moralidade e na virtude. As únicas pessoas que não são hipócritas são a minúscula e talvez não-existente minoria que é tão santa que nunca se entregam a seus instintos mais básicos e o grupo maior que nunca tenta viver segundo os princípios da moralidade ou virtude. Ele dessa forma defende que os hipócritas são na verdade a classe mais nobre das pessoas. François duc de la Rochefoucauld tinha expressado alguns séculos antes uma opinião semelhante quando declarou que “a hipocrisia é a homenagem que o vício presta à virtude.”

O termo “hipocrisia” é também comumente usado (alguns diriam abusado) num sentido que poderia ser designado de maneira mais específica como um “padrão duplo”. Um exemplo disso é quando alguém acredita honestamente que deveria ser imposto um conjunto de morais para um grupo de indivíduos diferente do de outro grupo.

Veja tambem:

Mentira

Mentira é uma declaração feita por alguém que acredita ou suspeita que ela seja falsa, na expectativa de que os ouvintes ou leitores possam acreditar nela. Portanto uma declaração verdadeira pode ser uma mentira se o falante acredita que ela seja falsa; e histórias de ficção, embora falsas, não são mentiras. Dependendo das definições, uma mentira pode ser uma declaração falsa genuína ou uma verdade seletiva, uma mentira por omissão, ou mesmo a verdade se a intenção é enganar ou causar uma ação que não é do interesse do ouvinte. “Mentir” é contar uma mentira. Uma pessoa que conta uma mentira, em especial uma pessoa que conta mentiras com freqüência, é um “mentiroso”.

Anúncios

~ por Ana Paula Garcia em julho 6, 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: