sobre um pouco de dor canalha

Vejo como as pessoas tendem a temer a dor, e julgar quem as sente; muitas vezes nem toda dor e entendida, e na sua maioria ela vem para ajudar, a dor nos ajuda a crescer e a perceber quem realmente somos, diante das diversas situacoes que a vida nos coloca.

Nao e triste ver a dor, muito menos senti-la, ela e necessaria, tanto no ambito fisico como no ambito mental; a dor desenvolve em nos a resistencia , e desperta em nos a sobrevivencia…

e dificil mudar os habitos, mais dificil deixar tudo aquilo que nos lembra deles, infelizmente, nisso se vao algumas pessoas; dizer adeus a elas e dificil, mas vejo que e necessario, certos tipos de relacoes despertam em nos sentimentos que nao precisamos, e preciso ficar atento, a certas opnioes sempre.

Nao se trata de pessoas boa ou mas, de pessoas que nos amam ou nao, se tratam de habitos que elas trazem consigo, que nao queremos mais, e por mais legais que elas sejam, elas ainda insistem em nos convencer do contrario, poucos respeitam alguma decisao radical.

Mudar doi, mas e uma dor que passa, quando mudamos para o caminho certo, pior e a dor de insitir no erro, essa e constante, e mesmo assim ninguen sabe de onde vem.

A dor de deixar uma paixao que destroi, que nos mata aos poucos, quem entende isso? quem sofre com isso? quem vem a sentir isso? so tenho uma resposta sou eu e ninguen mais sabe melhor de mim, do que eu mesma. Nao odeio ninguen, so estou gostando mais de mim nos ultimos tempos.

Anúncios

~ por Ana Paula Garcia em julho 27, 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: