Remember

Ela pegou discos velhos da estante, ouviu ramones, stones e replicantes; hoje, saber que nada vai mudar o mundo lhe tranquiliza, não haveria tempo pra tanto.

Ouve, os acordes que te tocam a alma, é só assim pra saber o que sente de verdade, você que se perdeu , sabe onde se encontrar… o ritmo, é só seu… sai correndo abre a janela, nada mudou lá fora… não que ela esteja perdendo alguma coisa, mas tem medo de perder muito mais.

Lindo!! só isso a entende; como pode alguém pulsar música… nem mil palavras que ela diga , vão descrever o que ela sente  quando  ouve sway dos stones, pode balançar seu ego , sua alma , seu coração retoma o ritmo; Hey!! não precisa ter medo, não é só você que sente vontade de chorar…

Sonha acordada, se deixa  levar a lugares que nunca esteve, pensa ter o que você nunca quis ter, pensa só por pensar… é quando estar sozinho nao é mais tão ruim assim, existem muitos como você… nada é privilégio de um só ser humano, só não fazem parte do mesmo conjunto.

Sei que ainda pensa em calcular o infinito, desafios lhe atraem, mas prefere as variáveis, que podem ser usadas em qualquer ocasião. Prefere ser assim, tão sombria quanto sóbria, e experimentar a felicidade rápida, e acreditar que nada é constante, não para alguém que vive o paralelo das emoções falidas.

Anúncios

~ por Ana Paula Garcia em janeiro 24, 2009.

Uma resposta to “Remember”

  1. Olá. Procuro parceria, se tiver interessado (a) coloca meu link e me avisa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: